• Bangu
  • Boavista
  • Bonsucesso
  • Botafogo
  • Cabofriense
  • Flamengo
  • Fluminense
  • Macaé
  • Madureira
  • Nova Iguaçu
  • Portuguesa
  • Resende
  • Vasco da Gama
  • Volta Redonda
  • America
  • Americano
  • Artsul
  • Audax Rio
  • Barcelona
  • Barra da Tijuca
  • Barra Mansa
  • Campos
  • Duque de Caxias
  • Friburguense
  • Gonçalense
  • Goytacaz
  • Itaboraí
  • Olaria
  • Queimados
  • Sampaio Corrêa
  • São Cristóvão
  • São Gonçalo EC
  • Serra Macaense
  • Serrano
  • Tigres do Brasil
  • Angra dos Reis
  • Araruama
  • Bela Vista
  • Ceres
  • Duquecaxiense
  • Futuro Bem Próximo
  • Juventus
  • Mesquita
  • Nova Cidade
  • Rio de Janeiro
  • Rio São Paulo
  • Santa Cruz
  • São Gonçalo FC
  • Campo Grande
  • Condor
  • Itaboraí Profute
  • Itaperuna
  • Miguel Couto
  • Paduano
  • Rubro
  • São José
  • Teresópolis
  • Tomazinho
  • União Central
  • União de Marechal
  • Na folia

Em 14/01/2017 às 15 h35

Recuperando-se de lesão, Almir se diz ansioso para retorno: "Não vejo a hora"

Meia retorna após 10 meses em recuperação de luxação patelar


Autor: Redação FutRio / Foto: Emerson Pereira (BAC)

Além de Loco Abreu e Peralta, o Bangu tem outro reforço para a temporada 2017: o retorno do meia Almir. O jogador, que sofreu luxação na patela e rompeu o tendão em abril de 2016, se recuperou durante este período e está de volta ao Alvirrubro para a disputa do Campeonato Carioca.

Realizando a pré-temporada com o grupo no Espaço Lonier, em Vargem Pequena, na Zona Oeste, Almir projetou o retorno, se dizendo ansioso para vestir novamente a camisa do Bangu e que, por voltar de lesão, este ano será o principal em sua vida.

- O Bangu é um clube que tenho um carinho enorme, sinto-me bem, em casa. 2017 é o ano mais importante de todos, pois estou me readaptando após a lesão. Será uma temporada especial. Não vejo a hora de poder voltar a jogar, de voltar a ser feliz e alegrar o torcedor. Sinto a vontade de poder fazer uma grande competição, chegar numa semifinal. Esta temporada tem tudo para ser diferente.

Mesmo trazendo reforços renomados, o Bangu manteve a base de 2016. Agora sob o comando de Eduardo Allax, Almir ressaltou a importância desta manutenção, já que a convivência é um dos principais fatores positivos para um bom trabalho.

- Acho fundamental manter uma base porque fica até mais fácil para que o treinador possa contratar. É bom termos atletas que gostam do clube, que sabemos do carinho em vestir a camisa do Bangu, a exemplo do Ives, Guilherme, Bruno Luiz etc. É algo bom dentro e fora do campo. Isso influencia muito na convivência diária - concluiu.

A estreia do Bangu no Campeonato Carioca será em 29 de janeiro, na abertura da Taça Guanabara. O adversário será uma das equipes classificadas na fase preliminar, que já se iniciou.

Outras Notícias

Encontre-nos no Facebook






As informações deste site são constantemente atualizadas pelo FutRio. Ressaltamos que o FutRio reserva-se ao direito de alterar qualquer informação do site, valores e demais informações, sem aviso prévio.

© Copyright FutRio - Todos os direitos reservados.

desenvolvido por