Em 10/09/2017 às 21 h06

Roger marca dois e Botafogo passa pelo Flamengo no Nilton Santos

Atacante garante vitória e Alvinegro ganha confiança e ritmo para Libertadores


Autor: Redação FutRio / Foto: Vitor Silva (SSPress)

O atacante Roger resolveu o clássico para o Botafogo no duelo contra o Flamengo e encerrou o jejum do Alvinegro sem ganhar do rival, que já durava dois anos e meio. O Glorioso bateu o rival, no Nilton Santos, neste domingo (10), por 2 a 0, com dois gols do camisa 9. Resultado que reaproxima a equipe do G-6 do Brasileirão (em sétimo lugar) e de quebra dá ritmo e confiança para a partida contra o Grêmio (RS), na quarta-feira, pela Libertadores.

O duelo contra os gaúchos, pelas quartas de final, jogo de ida, no Nilton Santos, acontece às 21h45. Já o Flamengo, que segue em quinto na Série A, entra em campo no mesmo dia, na Sul-Americana, às 19h15, visitando a Chapecoense (SC). A Rádio FutRio transmite ao vivo as duas partidas.

Diego Alves faz grande defesa em cabeçada de Roger e segura empate parcial

O jogo começou com superioridade do Flamengo. A equipe alternativa de Reinaldo Rueda tinha o controle das ações, mas dava o contra-ataque para o Botafogo, que possuía a velocidade de Leo Valencia e Rodrigo Pimpão. O Alvinegro pecava muito nos passes e errada a maioria das saídas rápidas. Apesar do panorama, a melhor oportunidade do Flamengo foi em uma falta de Guerrero, defendida por Gatito Fernández.

Com o decorrer do jogo o Botafogo foi equilibrando as ações e passou a ser mais perigoso, como em um chute de Rodrigo Pimpão, que assustou. Antes disso, a melhor oportunidade alvinegra tinha sido com Matheus Fernandes, pressionando Diego Alves, que driblou o volante, dentro da pequena área. Superior nesse momento, a principal chance do primeiro tempo foi com o Bota. Cruzamento de Leo Valencia que Roger cabeçou para o chão, na pequena área, e Diego Alves salvou de maneira espetacular.

Oportunista, Roger decide o clássico

Para o segundo tempo, Dudu Cearense entrou no lugar de Leandrinho, lesionado. Desta forma, a equipe alvinegra ficou mais sólida na defesa. O time saiu na frente logo nos primeiros minutos, com Roger, de cabeça. O jogador completou rebote da testada de Igor Rabello, que parou na trave rubro-negra. Logo em seguida, Roger perdeu chance boa de ampliar, batendo de chapa para fora.

Atrás do placar, Reinaldo Rueda promoveu a entrada de alguns titulares, como Berrío e Willian Arão. A qualidade e a velocidade do time cresceram, mas foi o Botafogo que fez o segundo. Léo Valência acionou Bruno Silva pela direita. O volante foi no fundo, levantou a cabeça e cruzou rasteiro para Roger. O camisa 9 desviou no primeiro poste e encerrou o jejum alvinegro de dois anos sem vitórias sobre o Fla.

A partida
Botafogo 2x0 Flamengo - Brasileirão, 23ª rodada - 10/09/2017, às 19h

Estádio Nilton Santos (Rio de Janeiro - RJ)
Árbitro: Ricardo Marques Ribeiro (MG)
Assistentes: Guilherme Dias Camilo (MG) e Sidmar dos Santos Meurer (MG)

Botafogo: Gatito Fernández; Arnaldo, Marcelo, Igor Rabello e Victor Luis; Matheus Fernandes, Bruno Silva, Leandrinho (Dudu Cearense, intervalo) e Leo Valencia (Fernandes, 35'/2ºT); Rodrigo Pimpão (Guilherme, 26'/2ºT) e Roger. Técnico: Jair Ventura.

Flamengo: Diego Alves; Rodinei, Rhodolfo, Rafael Vaz e Trauco; Cuéllar, Rômulo (Willian Arão, 20'/2ºT) e Everton Ribeiro; Matheus Sávio (Everton, 25'/2ºT), Geuvânio (Berrío, 13'/2ºT) e Guerrero. Técnico: Reinaldo Rueda.

Gols: Roger, 10/2ºT (1-0); Roger, 23'/2ºT (2-0)

Público: 5.155 pagantes
Renda: R$ 288.010,00

Outras Notícias

Encontre-nos no Facebook






As informações deste site são constantemente atualizadas pelo FutRio. Ressaltamos que o FutRio reserva-se ao direito de alterar qualquer informação do site, valores e demais informações, sem aviso prévio.

© Copyright FutRio - Todos os direitos reservados.

desenvolvido por