Em 05/09/2018 às 19h23

Treinador avalia temporada do Tomazinho e projeta futuro promissor

Equipe da Baixada conquistou apenas uma vitória, por WO, sobre Independente


Autor: Redação FutRio

Não foi uma campanha que deixará saudades no Tomazinho. Num total de seis jogos na Série C do Campeonato Carioca, o time da Baixada Fluminense venceu apenas um (por WO) e perdeu outros cinco - o último diante do Mageense. Só não ficou na lanterna do Grupo B porque o Independente foi punido com a perda de 12 pontos em virtude de escalação irregular. Ainda assim, o balanço foi positivo, segundo o treinador Pereira. O objetivo principal, que era dar oportunidade a jovens atletas, foi alcançado.

– Nós pensamos dessa forma, que é trabalhar uma equipe esse ano pensando em 2019, talvez estar com uma equipe mais madura. São muitos jovens com 17, 18, 19 anos. Acho que essa divisão é para isso. A não ser que seja uma equipe como o Mageense, Resende, que está investindo para subir, com uma estrutura a mais. Eles têm esse objetivo e nós não. Nosso objetivo é revelar e tirar esses jovens das ruas, buscando uma chance no mercado do futebol – avaliou o comandante, que apontou crescimento, mesmo que tímido, nos jogadores:

– Existe uma evolução, ainda um pouco pequena, não tem jeito. São jovens. Eles assimilam, mas tem horas que se perdem. Dá um branco e os gols que se levam são justamente nesses brancos. Eles marcam a bola, esquece que está ali... isso é normal do jovem.

Pensando na próxima temporada, Pereira não descarta seguir à frente da equipe profissional do Tomazinho. Apesar de não garantir a sequência, o treinador acredita que o futuro pode ser promissor para o time meritiense.

– Eu também estou conhecendo a Série C do Carioca. Estava em São Paulo trabalhando na Série B. Agora temos uma noção de como está a Série C e, de repente, podemos vir com uma boa equipe no ano que vem. Não sei se vou continuar no Tomazinho. Vai depender de sentar com o presidente e ver quais são os objetivos dele. Vamos ver. Não sei o que vai acontecer, mas o importante são os jovens – concluiu.

Sem mais competições profissionais em 2018, o Tomazinho começa a pensar na próxima temporada, quando estará novamente no quarto e último escalão do futebol estadual.

Tags: Tomazinho, Carioca Série C

Outras Notícias

Encontre-nos no Facebook






As informações deste site são constantemente atualizadas pelo FutRio. Ressaltamos que o FutRio reserva-se ao direito de alterar qualquer informação do site, valores e demais informações, sem aviso prévio.

© Copyright FutRio - Todos os direitos reservados.

desenvolvido por