Em 14/09/2018 às 09 h23

Alzirão chegará, neste fim de semana, a 57 jogos recebidos no ano

Estádio de Itaboraí é recordista absoluto de partidas na temporada


Autor: Gabriel Andrezo / Foto: Gabriel Farias (FutRio)

Sede dos jogos de oito clubes do futebol profissional do Estado do Rio de Janeiro, o Estádio Alziro de Almeida, em Itaboraí, nada de braçada entre as praças que mais receberam partidas na temporada. Neste fim de semana, o Alzirão chegará à incrível marca de 57 partidas em menos de quatro meses, nas mais variadas competições profissionais. Um uso excessivo que já era esperado e que pode dar ao "Alçapão da Segundona" um novo recorde.

Casa de Itaboraí, Gonçalense, São Gonçalo, Maricá, Bela Vista, Canto do Rio e Atlético Carioca (o Mageense passou a mandar seus jogos no Estádio Los Larios), a utilização do Alzirão neste ano está perto de ultrapassar até mesmo o uso do Marrentão, há dois anos. Na ocasião, o campo de Duque de Caxias sofreu com os 59 jogos realizados na temporada e mostrou claros efeitos de um uso constante.

O Alziro de Almeida já recebeu partidas da Série B1 (28), Série B2 (11), Série C e Copa Rio (oito cada). Neste fim de semana, os duelos Canto do Rio x Ceres e Maricá x Juventus entrarão na conta, fazendo com que, na próxima semana, outros dois jogos agendados já façam o estádio municipal chegar aos mesmos 59 do Marrentão de 2016. Número que pode aumentar mais ainda caso Bela Vista e/ou Itaboraí sigam em frente na Terceirona e na Copa Rio, respectivamente.

"Cooperativa" ajuda a manter boas condições

Obviamente, os quase 60 jogos no ano acabam deixando desgastes em qualquer estádio. No Alzirão, no entanto, uma espécie de "cooperativa" foi feita entre os clubes que o o utilizam para evitar problemas graves e manter condições dignas para que a sequência de partidas seja mantida. De fato, se o gramado já não é o mesmo do começo da temporada, ao menos também não evidencia tantas falhas quanto as de outros campos bem menos utilizados.

O acordo compreende a Secretaria de Esportes de Itaboraí, administradora do estádio, junto aos clubes "inquilinos". Inicialmente, não foi cobrada nenhuma taxa de aluguel para que os clubes pudessem atuar, mas pequenas contribuições de cada uma das diretorias, mais em materiais de conservação do que em dinheiro. Assim, o uso constante das instalações não compromete equipes que se alternam no mando de partidas.

Não foi raro, em 2018, assistir a rodadas duplas no Alzirão. O primeiro fim de semana da Série B1 reservou ao estádio partidas pela manhã e à tarde, no mesmo dia. No fim de julho, quatro partidas chegaram a acontecer no estádio num espaço de apenas 72 horas. Para se ter ideia, em apenas dois fins de semana de jogos no local é que não houve duas partidas sendo realizadas. Por isso, a necessidade de juntar tantos clubes para um esforço conjunto em manter o estádio em condições.

Joaquim Flores deve "subir de posição" em breve

E não é só o Alzirão que recebe jogos demais em 2018. Embora tenha quase o dobro do segundo colocado, a Rua Bariri, o estádio do Leste Fluminense deverá ganhar um novo vice-líder. O Joaquim de Almeida Flores, em Nilópolis, está prestes a deixar para trás o estádio do Olaria como o segundo que mais sedia partidas oficiais. Atualmente com 29, o campo do Nova Cidade vai ser sede de três partidas entre o próximo sábado (15) e segunda-feira (17).

A situação não é nova para o Joaquinzão, que sedia, só na Série B2, os jogos de Nova Cidade, Mesquita e Queimados. Assim como o Alzirão, no entanto, o estádio não está tão prejudicado no aspecto do gramado. Um verdadeiro pesadelo para jogadores e técnicos visitantes até o ano passado, o estádio de Nilópolis sofre menos com seu campo do que estádios vizinhos, como o Marrentão. Uma reforma no gramado, realizada no início do ano, vai mantendo um feitio justo para tamanha maratona de partidas até então.

Confira abaixo a lista dos estádios mais utilizados do ano:

Alziro de Almeida: 55 jogos
Rua Bariri: 32 jogos
Joaquim de Almeida Flores: 29 jogos
Antônio Ferreira de Medeiros: 25 jogos
Ângelo de Carvalho: 20 jogos

Tags: Carioca Série B1, Carioca Série B2, Carioca C, Copa Rio

Outras Notícias

Encontre-nos no Facebook






As informações deste site são constantemente atualizadas pelo FutRio. Ressaltamos que o FutRio reserva-se ao direito de alterar qualquer informação do site, valores e demais informações, sem aviso prévio.

© Copyright FutRio - Todos os direitos reservados.

desenvolvido por