Em 27/09/2018 às 10 h32

Dirigentes do Barra Mansa são alvos de investigação sobre vendas de resultados

Polícia Civil realizou busca e apreensão de documentos nas casas dos investigados


Autor: Redação FutRio / Foto: Fábio Guimas (A Voz da Cidade)

Segundo informações da coluna do Lauro Jardim, do Jornal O Globo, dirigentes do Barra Mansa são alvos de investigação que apura manipulação de resultados nos jogos de futebol da equipe profissional. Logo no início da manhã desta quinta-feira (27), residências de dirigentes do clube foram alvos de mandatos de busca e apreeensão realizados por policiais da Delegacia de Defesa do Consumidor do Rio de Janeiro.

Além do presidente Anderson Martins Florentino, conhecido como Andrinho (foto), outros dirigentes do clube - que ocupam cargos como gerente de futebol, tesoureiro e gerente de administração de logísitica - estão sendo investigados. A suspeita é de que o grupo negociava resultados junto a uma máfia internacional, recebendo valores que giravam entre R$ 35 mil e R$ 150 mil por partida.

Outra acusação que paira sobre Andrinho é a retirada do valor de R$ 342 mil da conta do clube. O montante foi destinado para uma conta pessoal do presidente e a transação teria contado com a anuência da tesoureira do Barra Mansa, Mônica Rodrigues Rosa, que é namorada do dirigente.

Na atual temporada o Barra Mansa participou da Série B2 do Campenato Carioca, que é a Terceira Divisão Estadual. O Leão do Sul ficou com a sétima colocação geral, sem conseguir o acesso.

Tags: Barra Mansa, Carioca Série B2

Outras Notícias

Encontre-nos no Facebook






As informações deste site são constantemente atualizadas pelo FutRio. Ressaltamos que o FutRio reserva-se ao direito de alterar qualquer informação do site, valores e demais informações, sem aviso prévio.

© Copyright FutRio - Todos os direitos reservados.

desenvolvido por