Em 16/11/2018 às 12 h28

Vitória fora reduz chances de queda, dá confiança e faz Botafogo sonhar

Proximidade do G-6 é maior do que em relação ao Z-4 do Brasileirão


Autor: Redação FutRio / Foto: Divulgação (BRF)

O Botafogo venceu a terceira partida seguida no Brasileirão e reduziu as chances de rebaixamento. A equipe bateu a Chapecoense fora de casa por 1 a 0, com um gol de Luiz Fernando, e está mais próximo da zona de classificação à Libertadores do que do Z-4. São sete pontos acima da área mais perigosa e seis abaixo do G-6, que tem o Atlético (MG), totalizando 50, no limite. A sequência positiva dá confiança aos cariocas nesta reta final do Brasileirão.

image

A distância para o Galo pode ficar menor, já que existe confronto direto na última rodada do certame, no Independência. Para isso, o Bota precisa seguir vencendo e torcendo por tropeços das demais equipes da parte de cima da tabela de classificação. Zé Ricardo comentou sobre esta partida contra a Chape e avaliou a fase positiva neste fim de ano.

- Muito importante, porque dá confiança ao nosso grupo. Acho que a gente precisava dessas vitórias para poder subir na tabela e ganhar confiança. A gente tem que estar focado para as próximas partidas, não podemos perder porque são pontos muito importantes - disse, pensando principalmente em eliminar de vez as chances de queda.

- Ainda não (estamos livres) matematicamente. Existe a possibilidade (de queda), tem muitos times com 38 pontos. Com duas vitórias, elas passam o Botafogo nos critérios com 44 pontos. Precisamos estar bem atentos, tomara que a gente possa chegar aos 46, que elimina o risco. Temos essa possibilidade, domingo, contra o Internacional, dentro de casa. Será difícil, afinal, eles lutam pelo título. Mas a torcida pode fazer o que fez contra Flamengo e Corinthians. Assim, lotando o estádio nos empurra para a vitória - pediu o treinador.

A equipe do Botafogo volta a campo no domingo (18) para pegar o Internacional (RS), no Nilton Santos, às 17h. O confronto terá cobertura em tempo real do Placar FutRio.

Confira outros pontos abordados pelo técnico alvinegro após a vitória sobre a Chape:

Dificuldade para vencer
- Sinceramente, a gente trabalhou muito para este jogo. Sabia o quanto era difícil jogar aqui. A Chapecoense vinha de bela e merecida vitória sobre o Santos. Isso trouxe mais torcida ao jogo. Então, a gente se preparou e respeitou demais a equipe deles.

Sequência de vitórias
- Por vezes, detalhes determinam uma sequência. A gente conseguiu em um momento que precisávamos. O que me deixa mais feliz é que desempenhamos um futebol mais agradável. Assim, fica mais perto de vencer as partidas. Os jogadores estão de parabéns, a torcida nos empurrou e tem a sua participação também. A direção fez esforço e regularizou salários e premiações. Conseguiu também fretar um voo aqui para Chapecó, local que é difícil de chegar. Não queríamos correr riscos. Todo esse esforço, acredito, ajuda na sequência de vitórias.

Análise da partida e escolha pelos titulares
- A gente estava em dúvida se jogaria com Bochecha ou com o Dudu. Se a gente tivesse em condição mais confortável, poderíamos fazer outro tipo de jogo, um jogo mais elaborado. A importância da partida incomodou no início, faltou confiança para colocar a bola no chão. Os espaços apareceram no segundo tempo... Então, a entrada do Dudu ajudou nisso até quando ele suportou.

Tags: Botafogo; Zé Ricardo;

Outras Notícias

Encontre-nos no Facebook






As informações deste site são constantemente atualizadas pelo FutRio. Ressaltamos que o FutRio reserva-se ao direito de alterar qualquer informação do site, valores e demais informações, sem aviso prévio.

© Copyright FutRio - Todos os direitos reservados.

desenvolvido por