Em 08/04/2019 às 09h09

Pela primeira vez no atual formato, um vencedor de turno será campeão Carioca

Após dois anos, dois campeões de turno chegam à final do Estadual no Rio


Autor: Redação FutRio / Fotos: Rafael Ribeiro (CRVG) e Alexandre Vidal (Fla Imagem)

Pela primeira vez desde a alteração no formato do Campeonato Carioca, um vencedor de turno será o campeão Estadual. Até o momento foram três edições do certame nestes moldes. A final, pela primeira vez, será composta pelo vencedor da Taça Guanabara (Vasco) contra o vencedor da Taça Rio (Flamengo). Nas duas anteriores, um time que não faturou nenhum turno acabou com o caneco principal: Flamengo e Botafogo.

VEJA MAIS:
> Em grande segundo tempo, Vasco vence Bangu e vai à decisão do Carioca

Desde 2017 o regulamento é o igual ao atual, apenas com mudanças pontuais nas vantagens nas fases decisivas. A construção, das semifinais, contudo, seguem as mesmas. Os times estão separados em dois grupos que se enfrentam internamente e depois com as equipes da outra chave, em dois turnos. Os dois vencedores de turno (Taça Guanabara e Taça Rio) têm vaga nas semis e além dos times que mais somaram pontos na classificação geral.

Sendo assim, nos últimos anos nenhum vencedor de turno acabou campeão. Em 2017, o Flamengo, que não faturou nem Taça Guanabara e nem Taça Rio, bateu o Fluminense, o campeão do primeiro turno. No ano seguinte, dois times que não ganharam nenhuma das fases - Botafogo e Vasco - foram pra final, com o Cruz-Maltino sendo o vencedor.

Foram muitas alterações no regulamento nas últimas temporadas. Na temporadas de 2014 e 2015, o Estadual foi de pontos corridos. Os quatro melhores iam para as semifinais, em dois jogos, com os vencedores disputando a final. A Taça Guanabara era vencida pelo time que mais somou pontos e a Taça Rio ficava com o melhor entre os times de menor investimento.

Em 2016, talvez o regulamento mais confuso. As equipes eram divididas em dois grupos e enfrentavam os times da chave oposta. Os quatro melhores classificados iam para um novo grupo, a Taça Guanabara. Os quatro piores, dos dois lados, disputavam um Grupo X para conhecer os rebaixados. Na Taça Guanabara, eram conhecidos os quatro semifinalistas, com o primeiro colocado sendo considerado o vencedor do troféu.

image

Já a Taça Rio era decidida da seguinte forma: os dois melhores times do Grupo X mais o quinto e o sexto colocados da Taça Guanabara. Muitos cruzamentos geraram confusão e o formato só durou apenas um ano. Confira as configurações das decisões dos últimos seis campeonatos.

FINAIS DOS ÚLTIMOS ANOS

- 2014*
Taça Guanabara: Flamengo
Taça Rio: Cabofriense
Final: Flamengo** x Vasco

- 2015*
Taça Guanabara: Botafogo
Taça Rio: Madureira
Final: Botafogo x Vasco**

- 2016
Taça Guanabara: Vasco
Taça Rio: Volta Redonda
Final: Vasco** x Botafogo

- 2017
Taça Guanabara: Fluminense
Taça Rio: Vasco
Final: Flamengo** x Fluminense

- 2018
Taça Guanabara: Flamengo
Taça Rio: Fluminense
Final: Vasco x Botafogo**

- 2019
Taça Guanabara: Vasco
Taça Rio: Flamengo
Final: Vasco x Flamengo

*A Taça Rio foi disputada apenas por equipes de menor investimento.
** Campeão do ano.

Outras Notícias

Encontre-nos no Facebook






As informações deste site são constantemente atualizadas pelo FutRio. Ressaltamos que o FutRio reserva-se ao direito de alterar qualquer informação do site, valores e demais informações, sem aviso prévio.

© Copyright FutRio - Todos os direitos reservados.

desenvolvido por