Em 09/05/2019 às 11h24

Presidente do Americano é punido com 90 dias de suspensão pelo TJD

Clube também recebeu penalidade de cunho financeiro no valor de R$ 10 mil


Autor: Redação FutRio / Foto: Elise Duque (TJD-RJ)

image

Presidente do Americano, Carlos Abreu foi julgado na última quarta-feira (8) e punido com 90 dias de suspensão pela 3ª Comissão Disciplinar do Tribunal de Justiça Desportiva do Rio de Janeiro (TJD-RJ). O dirigente esteve no banco dos réus por conta das acusações que proferiu indicando manipulação de resultados no Campeonato Carioca. O clube, por sua vez, foi multado em R$ 10 mil. Cabe recurso em segunda instância.

Abreu foi denunciado em quatro artigos do Código Brasileiro de Justiça Desportiva (CBJD), sendo absolvido em dois, 243-B e 243-F, já que o relator do caso não observou ameaça ou ofensa. Por outro lado, optou por condenar o dirigente no artigo 221, que fala sobre dar causa à inquérito mediante "erro grosseiro ou sentimento pessoal", e também no artigo 258, que versa sobre "assumir conduta contrária à disciplina ou ética desportiva". As punições, de 80 e 10 dias respectivamente, foram somadas.

O Americano também não passou batido. O clube foi denunciado no artigo 258-D, que trata sobre obrigações institucionais. A penalidade, apenas de natureza financeira, foi estipulada em R$ 10 mil.

A punição não deve gerar maiores transtornos para Carlos Abreu no que diz respeito ao futebol profissional, já que, em 2019, o Americano só possui mais uma competição pela frente, a Copa Rio, que começa para o Alvinegro a partir de junho. Por outro lado, as categorias de base seguem em atividade.

Tags: Carlos Abreu, Americano

Outras Notícias

Encontre-nos no Facebook






As informações deste site são constantemente atualizadas pelo FutRio. Ressaltamos que o FutRio reserva-se ao direito de alterar qualquer informação do site, valores e demais informações, sem aviso prévio.

© Copyright FutRio - Todos os direitos reservados.

desenvolvido por