Em 20/05/2019 às 20 h44

Audax Rio contará com repatriados que estavam na Série A3 do Paulistão

Ao todo, dez jogadores retornam ao Laranja Meritiense em 2019


Autor: Redação FutRio

Já treinando para a disputa da Série B1 do Campeonato Carioca, o Audax vem fazendo mistério, mas alguns nomes conhecidos no clube devem retornar ao Laranja Meritiense após conquistarem a terceira divisão do Paulista pela filial do estado vizinho. Tendo defendido a equipe no ano passado, o lateral-direito Marcelo, os zagueiros Gleiciano e Heltton, os volantes Kallyl e Pablo, o meia Matheus Azevedo, e os atacantes Adriel, Wesley Bolinha e Samoel Pizzi, vão retornar. Guaxupé, que esteve no clube entre 2015 e 2016, também integra a lista.

Mais conhecido e experiente do grupo, Heltton está com 25 anos. Ele passou por um drama na carreira, pois em 2017 defendeu o Paulista na Copa São Paulo de Futebol Júnior com a idade adulterada. Levou uma suspensão de quase um ano, mas foi contratado pelo Audax (SP), que apostou no jogador. No Rio, são 12 jogos somados pelo time de São João de Meriti.

Aos 24 anos, Samoel Pizzi foi um dos grandes destaques do acesso do Audax (SP) na Série A3. Ele jogou 18 das 21 partidas da equipe e marcou três gols. No ano passado, no Rio, foram 12 jogos e um gol. Matheus Azevedo, por sua vez, fez um jogo a menos do que Pizzi, em São Paulo, e balançou as redes apenas uma vez. Em 2017, atuou 17 vezes na equipe de São João de Meriti e também marcou um gol.

Aos 23 anos, Marcelo foi titular em boa parte da temporada 2018 no Audax Rio, acumulando 18 jogos. Em São Paulo, na Série A3, foram 15 partidas. Um ano mais velho, Kallyl se destacou ano passado pela equipe de São João de Meriti, tendo entrado em campo 15 vezes, marcando um gol. No Campeonato Paulista desse ano, disputou 17 partidas.

Pablo e Adriel têm 22 anos cada um. O volante disputou apenas três jogos pelo Audax no ano passado, mas na Série A3 foram 17 partidas e um gol marcado. Já Adriel fez cinco partidas pelo Laranja Meritiense em 2018 e atuou três vezes pela equipe paulista esse ano. Outro nome que está de volta, Guaxupé está com 23 anos e soma 17 partidas no período em que ficou no Audax, entre 2015 e 2016. Esse ano, no estado vizinho, entrou em campo apenas uma vez.

Os mais novos da turma são Wesley Bolinha e Gleiciano. Este segundo, que é zagueiro, tem 20 anos e começou a carreira no Botafogo. No ano passado, pelo Audax Rio, não entrou em campo. Bolinha, por outro lado, tem 21 anos e jogou 16 vezes pelo Audax Rio no ano passado, fazendo dois gols. Em 2019, em São Paulo, foram 15 jogos e uma bola na rede.

O começo da caminhada na Série B1 do Campeonato Carioca será contra o Angra dos Reis, no Estádio Jair Toscano de Brito, no próximo sábado (25), às 15h. O Placar FutRio acompanha em tempo real.

Tags: Audax Rio, Audax (SP), Campeonato Carioca Série B1

Outras Notícias

Encontre-nos no Facebook






As informações deste site são constantemente atualizadas pelo FutRio. Ressaltamos que o FutRio reserva-se ao direito de alterar qualquer informação do site, valores e demais informações, sem aviso prévio.

© Copyright FutRio - Todos os direitos reservados.

desenvolvido por