Em 16/07/2019 às 10h47

Ataque funciona de novo e Duque cresce no ritmo de Léo Guerreiro e Veiga

Ambos marcaram na tranquila vitória sobre o Itaboraí, por 3 a 0


Autor: Redação FutRio / Fotos: Igor Cruz

A segunda vitória seguida do Duque de Caxias na Série B1 do Campeonato Carioca veio estampada com o selo de qualidade de um ataque experiente formado pela dupla Léo Guerreiro e Bruno Veiga. Com um gol de cada, além de um anotado pelo zagueiro Dilsinho, o Tricolor bateu o Itaboraí por 3 a 0, na última segunda-feira (15).

image

O resultado mantém o time caxiense sonhando com a vaga nas semifinais da Taça Santos Dumont e amplia a série invicta na Segundona para quatro partidas. Léo Guerreiro, que fez apenas a segunda partida no retorno ao Duque, já possui dois gols na conta.

- Meu condicionamento físico, ao decorrer do campeonato, vou aprimorando. Quando cheguei, a equipe já estava no ritmo, mas a experiência conta bastante dentro de campo. Dosar um pouco às vezes, e em determinados momentos ir forte. O mais importante é a equipe sair vencendo, independente de ser gol meu ou dos meus companheiros. O importante é o Duque estar com as vitórias e brigando lá em cima - disse o camisa 9, que exaltou a qualidade do companheiro de ataque.

- O Veiga é um jogador de muita qualidade. Facilita jogar ao lado dele. O importante é conseguir fazer nosso papel, ajudar o Duque, correr bastante, se doar bastante, que as vitórias sempre virão.

Bruno Veiga também foi só elogios a Léo. Assim como o parceiro na linha de frente, fez questão de ressaltar os méritos coletivos do Duque de Caxias, descartando qualquer tipo de protagonismo para os artilheiros da tarde.

- A gente sabe da qualidade do Léo, a qualidade do nosso grupo. Independente de quem faz o gol, a prioridade é sempre vencer. Hoje a gente conseguiu colocar em prática nosso favoritismo, respeitando o Itaboraí. A gente sabia que se quisesse ter chance de classificação, tinha que ganhar. Conseguimos fazer o resultado. Independente de quem fez o gol, saíamos com o resultado positivo que nos dá a possibilidade de chegar na última rodada com chance de classificação.

image

Combinação será necessária

Com 10 pontos e na quinta colocação do Grupo B, o Duque de Caxias precisa vencer o Bonsucesso na rodada final da Taça Santos Dumont se quiser sonhar com a classificação às semifinais de turno. Mas só isso não será suficiente. É preciso secar os concorrentes diretos.

O primeiro passo é torcer por um empate entre Campos e Friburguense. Qualquer resultado diferente da igualdade neste confronto interrompe o sonho caxiense. Por fim, também é preciso que o Serra Macaense tropece contra o Barra da Tijuca. Essa é a combinação que colocará o Duque na etapa seguinte.

O Duque de Caxias encara o Bonsucesso às 15h de sábado (20), no Marrentão. O Placar FutRio acompanha em tempo real.

Tags: Duque de Caxias, Carioca Série B1

Outras Notícias

Encontre-nos no Facebook






As informações deste site são constantemente atualizadas pelo FutRio. Ressaltamos que o FutRio reserva-se ao direito de alterar qualquer informação do site, valores e demais informações, sem aviso prévio.

© Copyright FutRio - Todos os direitos reservados.

desenvolvido por