Em 24/08/2019 às 13h35

Semanas sem jogos são importantes para deixar grupo 100%, diz Flamel

Goytacaz só volta a atuar pela Série B1 do Carioca no dia 31 de agosto


Autor: Redação FutRio / Foto: Jhonathan Jeferson (FutRio)

O Goytacaz está tendo duas semanas sem jogos que está sendo importante para a equipe encarar a maratona de jogos na reta final da Série B1. Um dos destaques da equipe, Flamel acredita que o Alvianil da Rua do Gás chegará muito forte na luta pelo acesso, com os jogadores revigorados fisicamente.

- Desde o início da competição não tivemos muito tempo, pois chegamos a semifinal e uma semana depois começou o segundo turno. Então foi importante essa parada para aprimorarmos a parte física, para chegarmos à reta final da competição 100%. Agora é focar ainda mais, pois temos um objetivo e estamos em busca dele - frisou o meia.

Porém, ficar de fora da próxima rodada pode tirar o Goytacaz do G-4, caso Friburguense e Duque de Caxias vençam seus jogos. Flamel mostrou consciência dos riscos, mas acredita que o Alvianil da Rua do Gás vai continuar forte para lutar para chegar a semifinal do acesso.

- Estamos na terceira colocação da classificação geral e sabemos que podemos perder esse posto no fim de semana. Mas temos totais condições de nos classificarmos. No Goytacaz a pressão é a todo o momento. Sabemos da cobrança do torcedor. Temos que fazer a nossa parte e teremos alguns confrontos diretos pela frente. As coisas estão se resolvendo dentro do clube e a tendência que nos fortaleça ainda mais - disse.

O Goytacaz vai folgar na próxima rodada e só volta a campo no dia 31 de agosto, quando vai jogar novamente no Antônio Ferreira de Medeiros, contra o Serra Macaense.

Tags: Goytacaz; Flamel

Outras Notícias

Encontre-nos no Facebook






As informações deste site são constantemente atualizadas pelo FutRio. Ressaltamos que o FutRio reserva-se ao direito de alterar qualquer informação do site, valores e demais informações, sem aviso prévio.

© Copyright FutRio - Todos os direitos reservados.

desenvolvido por