Em 14/10/2019 às 20h13

Após prêmio de melhor treinador, Palinha garante permanência no RSP

Treinador foi o grande responsável pela mudança de postura da equipe


Autor: Renan Mafra / Foto: Vitor Melo (FutRio)

Uma mudança radical aconteceu no Rio São Paulo após a chegada de Palhinha. A equipe que não fazia gols, passou a ter gosto de balançar as redes, conquistou o segundo turno da Série B2, o acesso para a segunda divisão e o título da Terceirona. Para coroar seu trabalho, Palhinha foi eleito o melhor treinador da competição. Além dos agradecimentos aos jogadores, ele fez uma menção honrosa a Marcelo Silveira, gerente de futebol do Alvinegro do Campinho, que foi o responsável pela sua contratação.

- Minha felicidade é a maior possível. Uma realização de trabalho cumprido com honestidade e respeito. Ainda mais pela situação do clube acreditar em mim. Isso foi mais importante. O Marcelo comprou a ideia de me trazer, eu cheguei com a minha filosofia e graças a deus conquistei esse maravilhoso prêmio. Espero que seja o primeiro de vários na minha carreira e que Deus sempre me abençoe - comemorou o treinador, que garantiu sua permanência no clube.

- Com certeza vou ficar. Já conversamos e definimos algumas coisas. A renovação está encaminhada. Vou seguir no Rio São Paulo para dar continuidade ao trabalho e buscar levar o clube ao maior degrau do Campeonato Carioca, que é a Série A.

Apesar da mudança radical de postura da equipe, Palhinha rechaçou trazer apenas para si os méritos pelo acesso e título da Série B2 e afirmou que todos tem sua parcela nas conquistas alcançadas pelo Rio São Paulo.

- O grupo comprou minha ideia e foi comprometido em todos os trabalhos. Eu procurei mostrar para eles o caminho mais rápido de vencermos para podermos conquistar o acesso e o título. Mas o mérito é de todos. Jogadores, diretoria, comissão técnica e staff do clube. Ninguém chega sozinho a lugar algum. Tive uma equipe que comprou minha ideia e viu que meu trabalho era sério. Nunca menosprezei o adversário, sempre acreditei no trabalho, pois só assim as coisas acontecem. Dentro disso tudo se formou a família Rio São Paulo - finalizou.

O Rio São Paulo só volta a campo em 2020, provavelmente em maio, mês em que tradicionalmente a Série B1 tem começado nos últimos anos.

Tags: Rio São Paulo, Palinha

Outras Notícias

Encontre-nos no Facebook






As informações deste site são constantemente atualizadas pelo FutRio. Ressaltamos que o FutRio reserva-se ao direito de alterar qualquer informação do site, valores e demais informações, sem aviso prévio.

© Copyright FutRio - Todos os direitos reservados.

desenvolvido por