Em 23/10/2019 às 13h22

Série A de 2020 rebaixará apenas um time e B1 terá dois tipos de acesso

Regulamento da elite é divulgado de forma oficial pela Federação de Futebol do Rio (FERJ)


Autor: Redação FutRio / Foto: Úrsula Nery (Agência FERJ)

O Conselho Arbitral do Campeonato Carioca da Série A, realizado na última segunda-feira (21), apresentou novidades em relação à próxima edição da competição. As alterações, inclusive, geram reflexos na Segundona Estadual de 2020, que resultará num acesso em larga quantidade.

A primeira alteração diz respeito a rebaixamento. Os quatro times que não conseguirem classificação na Seletiva, se encaminham para a disputa do Grupo X. Após turno e returno, a equipe de melhor campanha se salva da queda. A seguir, os três participantes restantes formam o Grupo Z, novamente com jogos de ida e volta. Aí é que vem a principal novidade: apenas um clube será rebaixado e não mais dois, como vinha acontecendo nas edições anteriores.

No que diz respeito à fase principal, um só time será submetido ao descenso para a Seletiva de 2021. Portanto, a fase preliminar de 2021 (que será a última antes da extinção), contará com os três clubes que evitaram o rebaixamento na Série A de 2020, um time que descerá da fase principal, além de dois clubes que subirem da Série B1.

Série B1 terá dois tipos de acesso

A próxima Segundona Estadual, por sinal, é um capítulo à parte. Além das duas vagas de acesso à Seletiva de 2021, ela também oferecerá seis vagas na Série A2 de 2021 - esta será a nova segunda divisão, enquanto a elite passará a ser chamada de Série A1.

O cenário em 2021 será o seguinte: Seletiva da Série A1 com seis times e apenas um se classificando à fase principal. Os cinco restantes se juntam aos outros seis que subiram da Série B1 em 2020, além do lanterna da fase principal na A1, para formar a Série A2, que começará logo após a primeira divisão.

Em 2021 a organização do futebol do Rio de Janeiro ficará da seguinte forma: Série A1 (com 12 times na fase principal), além das Séries A2 e B1, também com 12 participantes cada. As Séries B2 e C serão avaliadas futuramente.

Como fica em 2020:

SÉRIE A
- Seletiva com seis times. Dois avançam à fase principal.
- Grupo X livra uma equipe do rebaixamento.
- Grupo Z livra duas equipes do rebaixamento e aponta único rebaixado à Série B1 do mesmo ano.
- Na fase principal, o time de pior campanha desce para a Seletiva de 2021.

SÉRIE B1
- Oferecerá duas vagas de acesso à Seletiva de 2021.
- Oferecerá outras seis vagas de acesso à Série A2 de 2021 (esta será a nova segunda divisão do Rio de Janeiro).

Como fica em 2021:

SÉRIES A1 e A2
- Seletiva com seis times. Somente um avança à fase principal.
- Cinco clubes eliminados na Seletiva caem para Série A2 que será disputada no mesmo ano, após a elite.
- Estes cinco clubes se juntam aos seis que subiram na B1 de 2020 e ao lanterna da fase principal da A1, totalizando, então, 12 participantes na A2 de 2021.

Divisões a partir de 2021:
- Série A1: 12 times (na fase principal)
- Série A2: 12 times
- Série B1: 12 times
- Séries B2 e C serão avaliadas e provavelmente formarão uma só divisão

Tags: Campeonato Carioca

Outras Notícias

Encontre-nos no Facebook






As informações deste site são constantemente atualizadas pelo FutRio. Ressaltamos que o FutRio reserva-se ao direito de alterar qualquer informação do site, valores e demais informações, sem aviso prévio.

© Copyright FutRio - Todos os direitos reservados.

desenvolvido por