Em 14/11/2019 às 13h04

Paduano deixa jogo com Ação com sentimento de que poderia ter vencido

Equipe bota duas bolas na trave e agora decide classificação fora de casa


Autor: Redação FutRio / Foto: Caio Almeida (FutRio)

O Paduano martelou, martelou, martelou, mas não conseguiu tirar o zero do placar no jogo de ida contra o Ação, pelas quartas de final da Série C do Campeonato Carioca. Agora o time decide fora de casa a classificação para a semifinal da competição. O capitão do time, o volante Renan Silva, resumiu o sentimento coletivo após o confronto: a equipe deixou o gramado com a sensação de que poderia ter saído vencedora.

A atuação do Paduano foi melhor na etapa complementar, quando a equipe veio com uma proposta de agredir o adversário e tentar construir um resultado neste confronto de ida. Foram duas bolas na trave. Uma delas, em um lance muito plástico, com o atacante Ruan, que emendou uma bicicleta e parou no poste do goleiro Guilherme - outro personagem importante, com pelo menos três intervenções determinantes para a manutenção do resultado.

Este lance citado é um dos que justificam a análise do volante, que o jogo teve alta qualidade técnica. Para Renan Silva, a participação do Paduano na competição não serve apenas para o clube, mas sim como uma representação de todo o futebol do interior do Rio de Janeiro.

- Saímos com um sentimento que fomos melhores e que poderíamos ter saído com a vitória. Mas foi um grande jogo. O time do Ação é uma grande equipe. Foi um grande jogo, digno de estarmos acima dessa divisão. Saímos um pouquinho indignados, não porque não ganhamos. Nós temos que fazer o futebol do interior sobreviver - disse, completando a exaltação ao clube e dando uma crítica.

- O estádio do Paduano não é o melhor do mundo. Talvez não seja o que todo jogador sonhe, mas ele é melhor do que muitos campos que atuamos aí no Rio de Janeiro. Em Pádua a gente faz futebol não é por dinheiro, é por amor, por paixão. O futebol do interior está acabando. Até nos times da primeira divisão. Essa mesma viagem que eles fazem de lá pra cá, nós fazemos daqui pro Rio. É longa. A nossa luta é árdua. Mas o Paduano está de pé. As cicatrizes que a gente vem acumulando são muito grande, mas a vitória vai ser maior. A glória será maior, porque a luta vem grande. A gente não representa um clube quase centenário. Eu nasci dentro desse clube, tenho orgulho de falar que jogo no Paduano - disse o veterano.

O confronto de volta entre as duas equipes acontece no dia 17 de novembro, às 15h, no Marrentão, em Xerém. O Placar FutRio acompanha em tempo real a partida que define um dos semifinalistas da Série C Estadual.

Tags: Paduano; Renan Silva;

Outras Notícias

Encontre-nos no Facebook






As informações deste site são constantemente atualizadas pelo FutRio. Ressaltamos que o FutRio reserva-se ao direito de alterar qualquer informação do site, valores e demais informações, sem aviso prévio.

© Copyright FutRio - Todos os direitos reservados.

desenvolvido por