Ceres perde pênalti no fim e só empata com o Barra da Tijuca

Equipes não saíram do zero (foto: Gustavo Azevedo)

Equipes não saíram do zero (foto: Gustavo Azevedo)

Eudes desperdiça chance e Alviceleste só fica no empate no Italo del Cima

Luiz Eduardo Cunha
Postado às 17:57 de 26/02/2014
Carioca Série B

Em partida válida pela quinta rodada da Taça Santos Dumont, o primeiro turno do Campeonato Carioca da Série B, Ceres e Barra da Tijuca ficaram no empate em 0 a 0 na tarde desta quarta (26), no Estádio Ítalo del Cima, em Campo Grande. Com a igualdade, o Alviceleste permanece na liderança do Grupo A, agora com 14 pontos ganhos. O Tricolor da Zona Oeste, por sua vez, não vence há quatro rodadas e é o quinto colocado do B.

Partida é de baixo nível técnico na primeira etapa

O jogo nos primeiros 45 minutos foi fraquíssimo tecnicamente, com o forte calor e o péssimo estado do gramado atrapalhando o desempenho de ambas as equipes, que cometiam muitas faltas e abusavam dos erros de passe. Apesar de jogar fora de seus domínios, o Barra tinha mais posse de bola e maior volume de jogo, mas não ameaçava a meta adversária. Já o Azulão da Zona Oeste insistia nos chutões e, assim como o Tricolor, não chegava com objetividade ao ataque.

Somente aos 32 minutos os donos da casa criaram sua primeira oportunidade de gol. Eudes, em cobrança de falta, cruzou para a área e a zaga do Tricolor da Zona Oeste não afastou. A bola sobrou para Rafinha na esquerda, que acertou cruzamento preciso para o centroavante Vitor Castro. O camisa 9, livre de marcação na pequena área, conseguiu desperdiçar a chance.

Três minutos depois, veio a reposta dos comandados de Rogério Fidélis. Daniel arrancou pelo lado direito, invadiu a área e acertou belo chute no ângulo superior esquerdo do goleiro Léo, mas a bola acabou batendo caprichosamente no travessão.

Bolas na trave e pênalti perdido mantém o placar zerado

No segundo tempo, diferentemente do primeiro, a partida foi movimentada. Logo aos dois minutos, o Ceres, por pouco, não inaugurou o marcador. Rafinha fez belo lançamento para Claudio Pagodinho, que de frente com o arqueiro do Barra finalizou pela linha de fundo. Pagodinho, novamente, quase marcou aos cinco. O artilheiro da Série B, após bola cruzada de Eudes, raspou de cabeça e Douglas espalmou para escanteio.

Os visitantes equilibraram o jogo e, aos poucos, começaram a sair mais para o ataque. Aos 10 minutos, Daniel aproveitou falha do setor defensivo do Alviceleste, avançou pelo lado esquerdo e tocou para Bruno finalizar fraco nas mãos de Léo. Sete minutos mais tarde, Adriano se livrou da marcação e finalizou para fora.

O time banguense só não abriu o placar, aos 23 minutos, por falta de sorte. Eudes cobrou falta com violência e a bola explodiu no travessão. No lance posterior, Luis Gustavo, depois escanteio cobrado da direita por Rafinha, cabeceou forte e obrigou Douglas realizar belíssima defesa.

O final do duelo reservou grandes emoções. Aos 43, o Barra da Tijuca acertou novamente o poste de Léo. Após bola cruzada, Giovani escorou para o meio da área, Elton ajeitou para o próprio Giovani, de frente para o gol, mandar uma bomba no travessão. Na continuação da jogada, foi a vez de Eudes, do Azulão, cabecear a bola na trave adversária.

O Ceres teve chance de ouro de sair vitorioso do confronto quando Dionísio foi derrubado na área e o árbitro assinalou pênalti. Entretanto, Eudes desperdiçou a penalidade, parando em intervenção de Douglas. No minuto seguinte, em rápido contra-ataque, o Barra perdeu um gol inacreditável. Bruno recebeu sozinho na área e, de carrinho, jogou para fora com a meta do Alviceleste completamente vazia, mantendo o placar zerado no Ítalo del Cima.

A partida
Ceres 0 x 0 Barra da Tijuca – Campeonato Carioca Série B, 5ª rodada – 26/2/2014 às 15h30

Estádio Ítalo del Cima (Campo Grande – RJ)
Árbitro: Wellington Mendonça de Mello
Assistentes: Rodrigo Azevedo de Lacerda e Rafael Gomes Rosa

Ceres: Léo; Betinho, William, Felipe Reis e Rafinha; Taylor, Claudio Pagodinho, Tiago Santos (Xandinho 32′/2ºT) e Euder; Vitor Castro (Dionísio 22′/2ºT) e Cleiton (Luis Gustavo 22′/2ºT). Técnico: Leandro Ferreira

Barra da Tijuca: Douglas; Thiaguinho, Giovani, Elton e Arthur (Nelson 36/2ºT); David (Denis 47′/2ºT), Daniel, Ronan e Adriano; Bruno e Camilo (Ruan 27′/2ºT). Técnico: Rogério Fidélis

Cartões Amarelos: Eudes (CER); Daniel e Ronan (BAR)